Augusto L. Dias Carneiro dedica-se desde 2004 à Busca, Coaching, e Avaliação de Executivos. Em 2009, publicou o Guia de Sobrevivência na Selva Empresarial (2a edição, Ed. Elsevier). Em 2015, credenciou-se Conselheiro de Administração pelo IBGC Instituto Brasileiro de Governança Corporativa. Desde agosto de 2014 é membro do Comitê de Auditoria da Prudential do Brasil Seguros S.A.

Sua atividade de Busca tem forte ênfase no setor de Energia. Já recrutou executivos-chave para as subsidiárias brasileiras da Actis, BG, CHC Helicopter, El Paso, Kinross Gold, Peak Gold, Shell, Statkraft, Subsea7, Unocal, e Wintershall, além do consórcio para construção e operação da hidroelétrica de Estreito liderado pela Engie.
Seu trabalho como Coach aplica o modelo do Hudson Institute, mas também toma emprestado a Gestão de Valor, de Franco Modigliani, um conceito importante do mundo das Finanças. Ele já acumula 3.000 horas de Coaching, principalmente líderes do primeiro escalão, e jovens executivos de alto potencial, em multinacionais locais, norte-americanas e europeias, dentre elas GE, Intel, Lubrizol, Schlumberger, Philip Morris e, em caráter Pro Bono, Médécins Sans Frontières.

Augusto já avaliou mais de 200 executivos, e é credenciado para ministrar e interpretar as ferramentas psicométricas Lumina (Spark e Leader/360), MBTI Myers-Briggs Type Indicator (Step 1 e Step 2), Thomas-Kilman Inventory e Firo-b.

Foi Sócio (1999-2003) e Principal (1997-1999) da Korn/Ferry International. Ele fundou o escritório do Rio de Janeiro, organizou a prática de Buscas para o setor de Energia na América Latina, e participou de lançamento em 2011 dos serviços de Avaliação de Executivos da empresa. Antes disso (1987-1997), como fundador e gerente-geral da sua própria firma de Consultoria, Augusto colaborou com diversos processos de fusão e aquisição de multinacionais, trabalhou no “turn-around” de um importante jornal, e participou de negociações complexas envolvendo Comercio Exterior e Crédito. Entre 1985 e 1987, ele foi Director da Atlantic Capital Consultoria Ltda., onde lidou com clientes como Goodyear, Fluor-Daniel, e Ingersoll-Rand, e participou da primeira operação de conversão de dívida em investimento em uma empresa brasileira de capital aberto (Brasmotor). Antes disso, Augusto foi (1983-1985) Diretor Adjunto de Finanças da Billiton (hoje BHP-Billiton, na época uma empresa Shell) no Brasil. Suas primeiras experiências profissionais incluem posições na área de Finanças de Xerox, na COPEG (hoje BD-Rio), no Citibank, e no banco União Comercial.

Augusto formou-se no Massachusetts Institute of Technology em 1972 com um diploma de Management Science, e recebeu um M.B.A. da University of California, Los Angeles em 1983 (ênfases Finanças e Estratégia). Certificou-se como Coach em 2004 pelo Hudson Institute of Santa Barbara (California, USA) in 2004 (uma credencial acreditada pela ICF – International Coach Federation). Retornou ao Hudson em 2013-14 para certificação Master Coach. É membro do Comitê Educacional do MIT e entrevista candidatos para seus cursos de graduação. Faz o mesmo para a UCLA, mas com candidatos ao MBA desta instituição. Em 2010, Augusto completou o Programa de Formação de Conselheiros de Administração de S.A.´s do IBGC (Instituto Brasileiro de Governança Corporativa) e em dez de 2015 credenciou-se como Conselheiro. Cidadão brasileiro e norte-americano, Augusto é igualmente fluente em inglês e português, além de lidar bem com, em ordem decrescente, espanhol, francês e italiano.

Filho de diplomata, Augusto passou sua primeira infância (1953-1956) em Londres, frequentou o Colégio Franco-Brasileiro no Rio de Janeiro no período 1956-1964, e terminou o 2º Grau nos Estados Unidos, em Brookline, Mass (1965-1968). É casado com a paisagista, fotógrafa e escritora Mônica Lampreia. Eles moram em Petrópolis, e passam a maioria dos finais de semana em um sitio em Secretário no mesmo município. Augusto passa seu tempo livre com a esposa e os netos, escrevendo seu 2º livro (sobre Culturas Corporativas), e fazendo longas viagens em motocicleta (média 400 km/dia, nos Andes em 2011, na Noruega em 2012, e Córsega/Sardenha em 2013). Ele é certificado radioamador Classe C, Mestre-amador para pilotagem de embarcações, e para pilotagem fora-de-estrada, tanto de veículos 4X4 (Land Rover) como de motocicletas (BMW Motorrad).

Download PDF

linked_in